Clique aqui para voltar à Página Inicial

Seccional Sapiranga

 

Sobre a atuação dos Mediadores Comunitários

Clique e confira! >>>


Quais os tipos de Litígios e como encaminhar Processos

O encaminhamento de Processos nas Seccionais do TMA/RS é fácil, simplificado e rápido

Clique e Confira >>>


Cláusula Compromissória Prevendo soluções pacificadoras

Clique e Confira! >>>


Lei Federal

9.307/96

 Clique e Confira! >>>


 Qual é a missão do TMA/RS?

 Clique e Confira! >>>


Advogados

O Papel dos Advogados junto aos 

Tribunais de Mediação e Arbitragem

 Clique e Confira! >>>


Corregedoria

Na condição de Requerente ou Requerido, dúvidas quanto a conduta ou procedimentos dos Mediadores Comunitários, acione a Corregedoria.


Ouvidoria

Sugestões, questionamentos, contate com a Ouvidoria


Palavra do Presidente

Roque BAKOF

Presidente do TMA/RS

>>> Clique e Confira!


 

 Endereço

Rua Sete de Setembro 220, Sala 16

Telefone/e-mail

(51) 3933-5433

Horário de Atendimento

De segunda a sexta das 8h 30 às 18h

 

Membros da Diretoria da Seccional 2017/2018

 

Presidente

Renato Aníbal Wallauer

 

Vice-Presidente Vogal

 

Jorge Luiz Cabral Alves

 

Vice-Presidente Administrativo

Afonso Eloi Vogel

 

Vice-Presidente Financeiro e de Patrimônio

Renato Sopran

 

Vice-Presidente de Comunicação

Priscila Ferreira Rochadel

 

Vice-Presidente  de Formação

Marli Terezinha da Silva loss

 

 

_________________________________

Reunião em Porto Alegre trata da evolução da estruturação do Fórum de Mediação e Justiça Comunitária

 

 

Os representantes do Grupo de Estudos de Sapiranga, estiveram em visita à Sede Administrativa Estadual do Tribunal de Mediação (TMA/RS) sendo recebidos pelo Presidente Estadual do TMA/RS - Dr. Roque Bakof - para uma reunião de avaliação quanto ao andamento das atividades naquela comunidade.  

________________________________________________

 

Saiba Mais

 

Quem pode participar?

Aposentados, Psicólogos, Empresários, Advogados, Contadores, Educadores, Administradores, pessoas com diferentes formações, profissões, níveis culturais e sócio-econômicos, que possuam equilíbrio, idoneidade, neutralidade e motivadas á atuar em atividade de relevante caráter comunitário, podem participar da Qualificação Preparatória, promovida pelo Centro de Estudos de Mediação e Arbitragem - CEMARGS.

Como serão capacitados?

A Qualificação Preparatória de Mediadores Comunitários se propõe a capacitar um grupo de estudos, que recebe conhecimentos sobre a Lei Federal 9.307/96 e sua aplicação em diversos campos do direito, além de temas como a condução de audiências, as técnicas para fundamentar sentenças, a orientação sobre código de ética e regramentos comportamentais, entre outros, para que assim possam conduzir procedimentos de mediações conciliadoras e arbitragem, que se caracterizam pela capacidade de harmonizar as relações conflituosas.

Os participantes irão qualificar-se para atuar com protagonismo na consolidação de uma via de Justiça em comunidade, que possibilita soluções harmonizadoras para diversos tipos de litígios na área do direito disponível. Exemplo: aqueles referentes a cheques devolvidos, promissórias ou outros créditos a receber, disputas decorrentes de contratos em geral, compra, venda ou locação de imóveis, cisão de sociedade, arrendamento de terras, condomínios, consolidações de acordos referentes a prestação de serviços, e indenizações decorrentes de acidentes de trânsito com danos materiais, entre outras.

Após a Etapa Preparatória com palestras de instrutores e do Presidente do TMA/RS , Dr. Roque Bakof, o Grupo de Estudos vivenciará uma etapa de Estudos Complementares, com objetivo de consolidar os conceitos, simular a prática dos procedimentos, e para iniciar a preparação para atuar na Seccional.

Participação Cidadã!

Para que possa então assumir a decisão e integrar esta nova força tarefa em defesa da viabilização de uma Justiça mais ágil, comunitária, humanizadora e pacificadora dos conflitos, indicamos que leia com atenção a mensagem abaixo, que é assinada pelo Presidente do TMA/RS, a qual muito esclarecedora, pois explicita os fundamentos e o perfil dos que integram os quadros das Seccionais do TMA/RS como Mediadores Comunitários, e logo após, encontrará um conjunto de perguntas e respostas, para esclarecer as dúvidas mais comuns:

 

 

Mensagem aos interessados na qualificação para atuar como Mediadores Comunitários

Clique Aqui!

 

Como se Constituem os Fóruns de Mediação e Justiça Comunitária do TMA/RS (perguntas e respostas)

Clique Aqui!


 

Encaminhamento de Processos nos

Fóruns de Mediação e Justiça Comunitária do TMA/RS

O Rito Procedimental nas Seccionais do TMA/RS

é fácil, simplificado e rápido.

 

O Tribunal de Mediação e Arbitragem do Estado do Rio Grande do Sul - TMA/RS, atua respaldado na Lei Federal 9.307/96, constituindo-se como Fórum Legal e Legítimo para, de maneira ágil e discreta, encaminhar soluções para questões envolvendo Pessoas Físicas e Pessoas Jurídicas - Empresas, Associações, Condomínios, bem como os Advogados, representando e assistindo juridicamente os seus clientes, tais como:

  • Questões Referentes a Cheques, Promissórias ou outros créditos a receber.

  • Litígios referentes a Contratos de Compra, Venda, Locação, Prestação de Serviços Educacionais, Serviços e Contratos em Geral.

  • Litígios sobre Arredamento de Terras e Condomínios.

  • Indenizações decorrentes de Acidentes de Trânsito (Danos Materiais).

  • Consolidação de Acordos em Rescisões e Distratos nas Relações de Prestação de Serviços, entre outros...

Outras informações para o encaminhamento de processos  >>Clique Aqui


 

Fórum de Mediação e

Justiça Comunitária

 

Foi articulada ampla mobilização comunitária  visando formar um Grupo de Estudos e Qualificação Preparatória onde os membros da comunidade, que exercem diferentes profissões, constituirão o Fórum de Mediação e Justiça Comunitária.

 

Em tempos onde um dos grandes anseios é a agilização e a humanização da Justiça, a existência dos Fóruns de Mediação e Justiça Comunitária, a capacidade que estes possuem para solucionar conflitos de maneira ágil e pacificadora, e principalmente a forma como são constituídos, com a participação da comunidade, desperta natural interesse.

 

Mais notícias >>

 

 

Notícias

 

Clique e Confira >>>

 


 

Saiba mais sobre a atuação do TMA/RS e suas Seccionais

 

 

A Cultura da Mediação em Destaque

 

 

Presidente do TMA/RS recebe Medalha da 53ª Legislatura da AL/RS

  

 

Desembargadora do Tribunal de Justiça Destaca importância do Tribunal de Mediação